quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Feliz Ano Novo !

quarta-feira, dezembro 31, 2014 0 Comments
2014 está prestes a acabar e não posso deixar de escrever e de citar o quão importante foi para mim este ano e quais os meus desejos para o próximo.
Só tenho de agradecer a quantidade de pessoas boas que conheci em 2014 e as que mantive do meu lado, que me apoiaram, que me incentivaram a lutar por aquilo que queria e que sempre estiveram do meu lado ao longo de todo o meu percurso.
Em 2014 eu chorei de alegria, chorei por ter perdido pessoas que nunca pensei perder, chorei de nervos, de ansiedade, de desilusão ou simplesmente por birra. Mas também ri, ri e muito. Partilhei gargalhadas com pessoas que me fazem imensamente feliz, com pessoas que já me fizeram feliz e com pessoas que já me deixaram quer tenha sido pelo que a vida decidiu quer pelo que elas mesmas decidiram.
Em 2014 amei, sofri, caí e levantei-me. Vivi aventuras únicas e experiências inacreditáveis.
Conheci pessoas que quero manter, recebi as melhores surpresas, vi os melhores sorrisos, li os melhores olhares, abracei os melhores abraços e partilhei os melhores momentos. A essas pessoas um obrigada enorme por contribuírem para o melhor do meu ano!
O que desejo para 2015? Desejo manter as pessoas fantásticas que conheci em 2014, desejo trazer novas amizades para junto de mim, desejo conhecer o abraço que ainda não tive o prazer de conhecer, desejo ler aquele olhar e ver aquele sorriso perto de mim. Mas acima de tudo, desejo realizar todos os desejos que ainda não consegui realizar, anseio por um ano cheio de alegrias, sonhos e magia... Sim, eu ainda acredito em magia, no destino, na fantasia da vida e acredito que se lutarmos muito por aquilo que queremos, nós conseguimos chegar lá.
Por fim, deixo um conselho: amem, riam, emocionem-se, vibrem com o que vos faz manter vivos, que vos aquece o coração e que vos tira o ar. Vivam a vossa felicidade e nunca deixem que ninguém vos tire isso. Um bom ano para todos repleto de amor e muitas coisas boas ! :) 


quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

quinta-feira, dezembro 11, 2014 0 Comments
Jornal RC5

Notícia de Última Hora – Piso Terá Nova Mobília

Espelho novo já se encontra no piso. Falta uma peça para o colocar na parede e “não sei se vamos esperar semanas ou meses”, segundo a Coordenadora do piso cinco, Carlota Napierala.


11-12-2014, “Jornal RC5”

Jornal RC5

quinta-feira, dezembro 11, 2014 0 Comments
Convívio de Natal

No próximo domingo, dia 14 de dezembro, às 21 horas, será realizado um convívio de piso subordinado ao tema do Natal. As rifas. O sorteio do cabaz de natal. A troca de presentes entre amigas secretas. Jantar de Natal. Estas são algumas das questões que irão ser abordadas. Por Cláudia Pereira
“Infelizmente não poderei comparecer tal como cerca de quatro pessoas. Gostava de estar presente por ser o primeiro Natal com as residentes e, principalmente, lamento por não poder trocar o presente com a minha amiga secreta”, lastima a habitante Cátia Barbosa.
Carlota apela as residentes que não possam estar presentes a que “me entregue (ou a alguém que venha) as rifas e os respetivos dez euros, bem como o presente para a amiga secreta”





11-12-2014, “Jornal RC5”

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Jornal RC5

terça-feira, novembro 25, 2014 0 Comments


Armário quase fere residente da RC5

Na sequência da queda do armário da residente da Residência Combatentes 5 (RC5), Libânia Cunha refere que “Os serviços dos SASUC são extremamente demorosos”. Por Cátia Barbosa e Cláudia Pereira

Na manhã de 25 de Novembro, por volta das 8h35, o carpinteiro dos Serviços de Ação Social da Universidade de Coimbra (SASUC), Senhor Arlindo, direcionou-se ao RC5 para resolver a questão do armário da residente Libânia Cunha, cuja “estrutura de baixo do armário estava a ceder”, afirma a habitante do quarto um, Libânia Cunha. A coordenadora do piso cinco, Carlota Napierala, acrescenta que estava “prestes a cair mas a aguentar-se”.
A ocorrência deu-se no dia 17 de Novembro pouco depois das 7h. A colega de quarto, Catarina Outerelo, “alertou-me de forma entusiasta”, assegura a lesada que, de imediato, chamou Carlota Napierala, que a aconselhou a deitar o móvel no chão sendo este removido, mais tarde, para o corredor dada a demora dos SASUC. “Os serviços dos SASUC são extremamente demorosos. O meu armário não tem prioridade em relação aos estores de um quarto do piso quatro”, refere indignada Libânia.
A residente deixa um apelo para que cedam um armário, caso não precisem. 
25-11-2014, Jornal RC5

Até logo, Diamond!

Obrigada pela visita!
Volta Sempre :)